Quarta-feira
22 de Janeiro de 2020 - 
Menu

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 4,20 4,20
EURO 4,66 4,66

Previsão do tempo

Hoje - São Paulo, SP

Máx
26ºC
Min
19ºC
Parcialmente Nublado

Quinta-feira - São Paulo, SP

Máx
25ºC
Min
19ºC
Chuva

Sexta-feira - São Paulo, SP

Máx
25ºC
Min
18ºC
Chuvas Isoladas

Sábado - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
18ºC
Parcialmente Nublado

News

Acusados de feminicídio são condenados em júris na Comarca de Praia Grande

Plenárias foram realizadas neste mês.           Tribunais do Júri realizados na Comarca de Praia Grande nos dias 8 (quinta-feira) e 13 (terça-feira) deste mês resultaram em condenações de homens acusados de feminicídios cometidos contra suas companheiras. Os dois julgamentos foram presididos pelo juiz Antonio Carlos Costa Pessoa Martins.         Nesta terça-feira, os jurados consideram culpado réu que, por ciúmes, ateou fogo no quarto e matou a esposa, inclusive causando risco aos dois filhos que dormiam na residência (mas que saíram ilesos). A pena foi fixada em 21 anos, onze meses e dez dias de reclusão, em regime inicial fechado, pelos crimes de homicídio, qualificado por feminicídio, motivo torpe e emprego de fogo, e incêndio em casa habitada ou destinada a habitação. O réu não poderá apelar em liberdade.          No júri realizado dia 8, o réu foi condenado por tentar asfixiar a companheira, na frente do filho dela, somente não resultando em morte por circunstâncias alheias à vontade do acusado. A pena foi fixada em 7 anos e 6 meses de reclusão, no regime inicial fechado, por homicídio tentado qualificado (por feminicídio na presença de descendente da vítima, motivo fútil e com emprego de asfixia). Ele não poderá recorrer em liberdade.           Processos nº 1502318-30.2017.8.26.0536 e 1501547-18.2018.8.26.0536                    imprensatj@tjsp.jus.br
15/08/2019 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.