Terça-feira
23 de Julho de 2019 - 
Menu

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,19 4,19

Previsão do tempo

Hoje - São Paulo, SP

Máx
26ºC
Min
15ºC
Predomínio de

Quarta-feira - São Paulo, SP

Máx
26ºC
Min
16ºC
Predomínio de

Quinta-feira - São Paulo, SP

Máx
24ºC
Min
16ºC
Parcialmente Nublado

Sexta-feira - São Paulo, SP

Máx
25ºC
Min
16ºC
Parcialmente Nublado

News

PJ é homenageado na comemoração do 87º aniversário do Movimento Constitucionalista de 1932

Ibirapuera ficou repleto para o 9 de Julho.         O Poder Judiciário do Estado de São Paulo prestigiou a solenidade comemorativa do 87º aniversário do Movimento Constitucionalista de 1932, na manhã de ontem (9), em frente ao Mausoléu ao Soldado Constitucionalista, no Parque do Ibirapuera, e alguns de seus integrantes foram homenageados com a “Medalha Constitucionalista”, instituída pela Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, por meio do decreto 29.896/69. Entre eles, o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, e o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, desembargador Carlos Eduardo Cauduro Padin.         Durante a cerimônia houve, ainda, a outorga da “Medalha João da Costa Machado – Herói de 32”, instituída pelo Núcleo MMDC “Sargento João da Costa Machado” da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, por meio do decreto 62.819/17. Entre esses homenageados, recebeu a medalha o ex-presidente do TJSP, desembargador José Renato Nalini. Também prestigiaram a cerimônia o vice-presidente e corregedor do TRE-SP, desembargador Waldir Sebastião de Nuevo Campos Júnior; o corregedor-geral do Tribunal de Justiça Militar de São Paulo, Avivaldi Nogueira Junior; o ex-presidente do Tribunal de Justiça Militar de São Paulo, coronel Antonio Augusto Neves, representando o presidente da Associação Paulista de Magistrados (Apamagis) e o juiz da 1ª Vara da Família e das Sucessões da Comarca de Ribeirão Preto, Ricardo Braga Monte Serrat.         A cerimônia, organizada pelo comandante-geral da Polícia Militar, coronel PM Marcelo Vieira Salles e pelo presidente da Sociedade de Veteranos de 32 – MMDC – coronel PM Mário Fonseca Ventura, contou com a presença do governador, em exercício, Rodrigo Garcia, que recebeu a continência, antes da execução do Hino Nacional Brasileiro, da transmissão do Comando do Exército Constitucionalista (senhor Edson Galvão recebeu o comando do senhor José Francisco Ferraz Luiz), da leitura da Ordem do Dia, da declamação da “Oração Ante a Última Trincheira”, do sepultamento das cinzas dos heróis Antonio Manoel da Silva, Ezequiel Nogueira Pinto, Gino Struffaldi, José Cesar Castro, Rugerio Fecchio e Geraldo Faria Marcondes. Após esses atos, ocorreu a entrega das medalhas e o desfile cívico, pidido entre desfile militar e desfile civil.          A Revolução Constitucionalista de 1932 foi o movimento armado ocorrido no Brasil, onde o estado de São Paulo visava à derrubada do governo provisório de Getúlio Vargas e à instituição de um regime constitucional, após a supressão da Constituição de 1891 pela Revolução de 1930. Atualmente, 9 de julho é a data cívica mais importante do estado de São Paulo. No total, foram 85 dias de combates (de 9 de julho a 2 de outubro), com saldo oficial de 934 mortos, embora estimativas, não oficiais, reportem 2.200 mortos, sendo que inúmeras cidades do interior sofreram danos devido aos combates.         Mais fotos no Flickr.                  imprensatj@tjsp.jus.br
10/07/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.